Juiz Élio Braz fala sobre Justiça Exponencial em congresso da Abraminj

15 Jun 2018

Por: Liliana Faraco e Laura Guarilha/Abraminj
Foto: Enia e Rabelo

Após abertura do evento, na manhã de segunda-feira, 11/6, o juiz Élio Braz, titular da 2ª Vara da Infância e da Juventude de Recife (TJPE), encantou os participantes com um inédito tema de sua palestra: “Justiça Exponencial”.

O juiz de direito e também psicólogo, Élio Braz, explanou sobre a Justiça Exponencial e como efetivá-la no Poder Judiciário atual. Braz conceituou a temática de sua conferência: “O termo exponencial amplia a dimensão social que a ciência do Direito impõe para que todas as leis sejam interpretadas e aplicadas visando a sua finalidade social”.

Segundo ele, a Justiça Exponencial tem como principal objetivo levar em consideração o lado emocional do sujeito sobre o qual está sendo aplicado o Direito. “A Justiça Exponencial tem a estrutura básica de trazer a Justiça para um lado mais emocional”, explicou o magistrado.

O juiz concluiu que, aplicando conceitos estudados pela justiça exponencial, tem-se como resultado uma administração da Justiça muito mais eficaz. “Aplicados esses conceitos, expandimos a visão da interpretação e a aplicação das leis dentro de uma administração da Justiça favorecendo sua dimensão finalística, elevando os níveis de acesso, de satisfação e de efetividade da prestação jurisdicional”, concluiu o estudioso.

Confira aqui os temas expostos na palestra. 

Palestra com Augusto Cury e eleições à tarde

À tarde acontece a palestra “Gestão da Emoção, Treinando Mentes Brilhantes”, com Augusto Cury, médico psiquiatra, psicoterapeuta, pesquisador e escritor brasileiro. Posteriormente, háverá assembleia geral com os associados, quando será apresentado o relatório das atividades da Diretoria da Abraminj, prestação de contas do período 2016-2018 e eleição da nova administração que comandará a entidade no próximo biênio.